Santa Catarina de Alexandria 

25 de Novembro

Santa Catarina de Alexandria 

Santa Catarina de Alexandria nasceu em Alexandria, no Egito, e foi uma das mártires mais célebres dos primeiros tempos do cristianismo.

Filha de Costes, rei de Alexandria, era, aos 17 anos de idade, considerada a mais bonita, a mais bela, a mais culta e a mais virtuosa moça de todo o império. Viveu no tempo da cruel perseguição de Diocleciano aos cristãos. No Egito, a perseguição alcançou tal nível de crueldade que até os pagãos se compadeciam dos cristãos e procuravam ajudá-los. Santa Catarina foi instruída na fé cristã, por um ermitão de nome Ananias que a batizou.

Ela começou a sofrer na própria pele a perseguição, quando Maximino Daia, encantado por sua beleza, apaixonou-se e divorciou-se para se casar com ela, mas foi rejeitado. Inconformado, o imperador convocou 50 filósofos para convencerem Catarina de que jamais poderia ser Deus um homem que havia morrido crucificado. Entretanto Catarina, fazendo uso de sua inteligência, de seus conhecimentos filosóficos e sobretudo amparada na sua fé e iluminada pelo Espírito, reverteu a situação e terminou por convencer e converter ao cristianismo os 50 filósofos.

Irritado, sentindo-se derrotado, Maximino mandou trucidar os 50 sábios e, sem conseguir submeter Catarina a seus caprichos, condenou-a a morrer triturada, sob um carro com rodas com pontas de ferro. Conta a lenda que ao contato com o corpo de Catarina, as pontas de ferro dobravam, como se fossem vime. Foi então levada para fora da cidade para ser degolada. Segundo ainda outra lenda, quando lhe cortaram a cabeça, em vez de sangue, jorrou leite. Por causa desses fatos, ela passou a ser invocada por todos os que trabalham com rodas, como carpinteiros, torneiros, amoladores, curtidores e também pelas mães que desejam ter leite para amamentar seus filhos. É também invocada pelos filósofos e estudantes. Sua festa foi incluída no calendário, no século XIV pelo Papa João XXII.

Hoje vivemos num mundo que elevou a academia de ginástica ao “status” de templo, idolatra a beleza física, menospreza e despreza os mais simples e pobres, mas que servilmente se curva ante os que têm riqueza, poder e saber.

A esse mundo, Santa Catarina de Alexandria lembra que por mais beleza, poder, saber  e riqueza que possuamos, não existe maior prova de inteligência que amar a Cristo, não há prova de maior sabedoria que aderir ao seu projeto,  não há maior riqueza que se despojar de tudo e partilhar com o irmão, por fidelidade e por amor à causa do Reino de Deus.

Fonte: Zélia Vianna. Santidade Ontem e Hoje (2005). Salvador: Paróquia de São Pedro

Leave your comment

Please enter your name.
Please enter comment.

Santo do dia
domsegterquaquisexsáb
     12
24252627282930
       
    123
25262728   
       
     12
24252627282930
31      
   1234
2627282930  
       
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031