Santo Estanislau

11 de Abril

Santo Estanislau

Santo Estanislau nasceu na Cracóvia, Polônia no ano 1030. De família pobre, estudou com os beneditinos em Cracóvia e aperfeiçoou seus estudos na Bélgica, na célebre escola de Liège. Voltando à Polônia, distinguiu-se pelo zelo pastoral e pelas iniciativas realizadas com inteligência e caridade. Quando o bispo de Cracóvia morreu, o Papa Alexandre II nomeou-o para o cargo. A sua designação foi bem acolhida tanto pelo clero, como pelo povo. Inicialmente o rei Boleslau II ficou muito satisfeito com sua nomeação, apoiando suas iniciativas, entre as quais a de formar um clero local para aos poucos ir substituindo os monges beneditinos na administração da Igreja polonesa. Essa boa convivência, entretanto, não durou muito. Ela foi rompida, quando o bispo se colocou contra os desmandos e falcatruas que corriam soltos na Corte, e conclamou o rei a respeitar os direitos alheios, chegando mesmo a adverti-lo publicamente com a pena de excomunhão, que posteriormente se concretizou. E a exemplo de São João Batista que censurou publicamente a conduta de Herodes que vivia com a mulher do próprio irmão, Santo Estanislau reprovou duramente o procedimento escandaloso e leviano do soberano, negando-se a celebrar seu casamento, com uma mulher casada pela qual ele havia se apaixonado e mandado raptá-la, causando grande escândalo em todo o país.  Boleslau não conteve sua ira e um dia, quando Santo Estanislau presidia a Santa Eucaristia na igreja de São Miguel, o próprio rei o derrubou com um golpe de espada. Santo Estanislau caiu ao pé do altar e aí morreu, banhado em sangue. Sua morte aconteceu no ano 1079. Venerado pelos poloneses desde o dia de seu martírio, Santo Estanislau foi canonizado no dia 17 de agosto de 1253, na basílica de São Francisco de Assis. Ele é muito venerado tanto na Europa, como na América.

Hoje, como no passado, muitos são os políticos e dirigentes que, como o rei Boleslau, mantêm uma boa relação com a Igreja, mas só até quando ela não se coloca abertamente contra seus desmandos e corrupções. Basta, porém, a Igreja tomar, como é, aliás, seu dever, o partido dos mais pobres, daqueles que são oprimidos e têm seus direitos violados, para ser chamada de intrusa e subversiva. Hoje Santo Estanislau convida a Igreja a denunciar toda atitude que fere a dignidade humana e se contrapõe à mensagem de Jesus, e a motivar e apoiar os grupos, associações e movimentos que lutam em prol de uma ordem social humana e justa, coerente com os critérios do Evangelho.

Fonte: Zélia Vianna. Santidade Ontem e Hoje (2005). Salvador: Paróquia de São Pedro

Leave your comment

Please enter your name.
Please enter comment.

Santo do dia
domsegterquaquisexsáb
     12
24252627282930
       
    123
25262728   
       
     12
24252627282930
31      
   1234
2627282930  
       
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031